Era uma sexta-feira santa, há muitos anos,
Quando escutei entre os assuntos familiares,
Uma conversa das comuns nesses lugares,
Onde as pessoas têm suas vidas, traçam planos!

Naquele tempo, eu devia ter dez anos!…
Todos tentavam superar os seus pesares;
Ali eu sentia a importância que há nos lares,
Que ensinam regras de harmonia entre os humanos…

Vi quando o pai, mesmo na sua dificuldade,
Foi dar seu dia de feriado, em caridade,
Para ajudar a erguer a casa de um amigo…

-Trabalhar hoje, disse a mãe, é um pecado!
Porém o pai lhe respondeu, emocionado:
Pecado é deixar o irmão ao desabrigo.

Di Livro “Luz no Túnel” – 1998

Anúncios