É pungente, confesso, a vocação
Dos políticos que há na minha terra,
Quando espalham vigor e o peito berra
Pelas ruas, nos tempos de eleição!…

Alimentam só a preocupação
De ver seu povo aflito, que hoje erra,
Sair um vencedor, ganhar a guerra
Contra a desigualdade e a aflição!

Despendem sua fortuna, se preciso,
Chegando até a empenhar o próprio juízo,
Tudo isso em benefício da bondade!…

Não há em nenhum segundas intenções,
A não ser acalmar os corações
Deste povo e lhe dar felicidade!…

Anúncios