You are currently browsing the monthly archive for janeiro 2009.

Pena que a nossa TV,
Com tal tecnologia,
Em vez de ser cultural
Só cultua a baixaria
Com pessoas tão volúveis,
Pregando a pornografia.

Candidatos depravados,
Tendo alguém alcoviteiro,
Em vitrine se mostrando
Para este país inteiro,
E enquanto eles deitam juntos
A Globo ganha dinheiro.

Claro! Com as ligações 
Desse mundo de imbecis
A Globo vai faturando
E vive muito feliz
Com o patrocínio das bestas
Destes mediocres Brasis…

O programa de que falo,
Todos sabem, é o BBB.
O certo porém seria
Mais bem dito PPP,
Prostíbulo e prostitutas
Para o pais todo ver.

A culpa não é da Globo,
Gente de muita ambição
Pois seu negócio é dinheiro
E nisso está com a razão
O culpado é o governo
Que oferece a concessão.

Só nos resta a esperança
De que o povo brasileiro,
Ainda muito atrasado,
Desperte e seja o primeiro
A protestar contra os fatos
Sabotando esses zoneiros!…

Anúncios

Futuro? Não existe; é utopia…
Desafio que alguém nele viva agora,
Que possa libertar-se desta hora
Em que vive atrelado ao dia-a-dia!

No curtir do presente está a alegria,
O tempo que é possível vida afora,
Pois quem quer apressar-se só piora,
E tropeça, inseguro, em nostalgia!

Por mais que desejemos, o minuto
Que vai célere, firme e resoluto,
De sessenta segundos necessita…

Quem deseja ir com mais velocidade,
Em vez de conquistar felicidade,
Terá, por consequência, mais desditas!…

A imagem acima é um risco para pintura em óleo sobre tela, de Leonardo da Vinci.
Boletim Informativo "Tribuna Literária"
janeiro 2009
S T Q Q S S D
« dez   fev »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

Leituras

  • 54,802 poetas

Entre com seu email para assinar este blog e receber notificações de novos artigos postados.

Junte-se a 27 outros seguidores