Você já observou uma andorinha,                    andorinha.bmp
Quando passa a voar, descompassada?
Observe que as asas espichadas
Batem, batem no ar em que se aninha…

É a hora em que a pobre da avezinha,
Chega da hibernação já bem cansada
Procurando, qual louca, uma pousada,
Para dormir até de manhãzinha…

Chegam aos bandos do hemisfério norte,
Aquelas que tiveram melhor sorte,
E puderam gerar as novas crias…

Felizes voltam agora para o sul
E em busca desta calma, em pleno azul,
Exibem-se em genial coreografia…

Anúncios