Octávio Caúmo Serrano – Jornal O Clarim – Dezembro 2012

Homenagem ao dirigente espírita, o guardião da doutrina na sua instituição.

O dirigente de um Centro
Deve estar sempre por dentro
Para orientar as pessoas;
Descobrir novos talentos,
Que com seus conhecimentos
Possam fazer coisas boas.

É o guardião da doutrina,
Numa tarefa divina
Que o transforma em comandante
De uma equipe organizada,
Sempre muito dedicada,
Mas não se sente importante.

Não poderá ser vaidoso,
Arrogante, pretensioso,
Como se fora especial,
Pois ele é só o zelador
De uma casa do Senhor
Da cidade celestial.

Num ato de caridade,
Dará oportunidade,
A quem quer colaborar.
Nunca estará sem paciência,
Fará da calma ciência,
Para que possam se amar.

A casa não é só um prédio,
Pois o que sofre o assédio,
De um plano dito inferior,
É a casa espiritual,
Muito mais que a material,
Porque ampara o sofredor!

Tem de estar firme na fé,
Se quiser ficar de pé
E superar os percalços,
Distinguir bons instrutores,
Espíritos Superiores,
Dos que são profetas falsos.

De resto basta coragem
E aproveitar a viagem
Até o dia do regresso,
Agradecendo a Jesus
Por ter-nos dado esta luz
Que nos permite o progresso.

Doutrina Consoladora,
Que é também Redentora,
O Espiritismo é cristão…
Deus ajude o dirigente
Para que ele, eternamente,
Seja dela o guardião!

 

 

 

Anúncios