Quem quiser fazer a trova
Terá de ter bom talento,
Pôr a inteligência à prova
E esbanjar conhecimento.

Eu pensei que fazer trova,
Fosse uma coisa à-toa,
No final as pus na cova,
Pois não sobrou uma boa.

Parece coisa tão fácil
Fazer trova de improviso,
Mas garanto que talento
Até de sobra, é preciso.

O Zé foi fazer a trova,
Dizendo: faço de estalo!
Mas fez nada, uma ova,
Logo caiu do cavalo…

Se quiser fazer a rima,
Sendo alusiva ao Natal,
Pense muito e, então, se exprima,
Ou o vexame é total.

O ano já está acabando,
Mas outro vai começar,
E pra que ele seja bom,
Não basta, apenas, rezar.

Diz o povo: Feliz Ano
Novo, pra todos vocês!
Mas é somente um engano
Que se comete outra vez!

Quem desejar ser feliz
E ver crescer a nação,
Esqueça o que o outro diz
E cumpra sua obrigação!

Anúncios