Uma nova poetisa está na praça,
Inspirada que foi pelo seu primo,
Que sou eu, e por isso então me animo
A ajuda-la, pois faz tudo com raça!

Dou-lhe estimulo para que ela faça
Poemas que são verdadeiros mimos
Que ela vai buscar lá no seu imo
De onde os tira e nos traz cheios de graça!

Produz trovas e até compõe sonetos,
Harmoniosos, qual banda de coretos,
E tudo isto ela faz mantendo aprumo…

Faz poemas que cantam seus amores,
Pinta a vida em múltiplos colores…
Seu nome? Silvana Silva Caúmo!

Anúncios