Octávio Caúmo Serrano – 2/3/2017
(Fiz em homenagem a mim mesmo, um dos grandes bobocas deste país, logo depois de entregar minha declaração do Imposto de Renda de 2017. Eram 16:58:28 do primeiro dia. E com imposto a pagar apesar de ser aposentado e ganhar bem menos do que as regras prometeram. É um país de desonestos.)

Um inspirado disse certa vez
Que o “povo é só uma porção de ninguém”.
A tudo ele se curva e diz amém,
No país que já foi do português!…

O mesmo se deu quando o holandês
Chegou cá no nordeste e quis, também,
Tirar uma casquinha e se dar bem
Assim como o espanhol e até o francês!

A índole do povo é muito boa,
Mas deixa-se levar por coisa à-toa,
Acreditando em tudo, de boa fé;

Por isso é que só tem tipo ladrão,
Há muito, nos governos da nação,
Querendo derrubar quem resta em pé!

Anúncios