Octávio Caumo Serrano – 1/4/2017

Orar sem esquecer-nos que o trabalho
É a forma mais perfeita de oração,
Pois deve preceder a devoção
E servir, para o homem, de agasalho!

Orar principalmente com a mão,
Pois para a caridade ela é um atalho;
Porque se o sofredor está um frangalho
De nada vale só o discurso vão…

Se a fome está presente, Deus não pode
Chegar ao coração de quem explode
Com a inanição e a mágoa do abandono…

O sofrimento anula toda a calma
E ao maltratar o corpo fere a alma,
Tirando além da paz também o sono!

Anúncios