You are currently browsing the monthly archive for agosto 2017.

Num mundo de tanta desigualdade, os que choram miséria são exatamente os que não deviam fazê-lo. Se dividirmos o salário de muito chorão por 2 e até por 4, estejamos certos de que 90% da população brasileira gostaria de trocar de lugar com ele. Não chore sem razão. Se Deus escuta vai testá-lo no verdadeiro sofrimento.

CHORAR DE BARRIGA CHEIA – 7/8/2017
Octávio Caumo Serrano

Você reclama que sua vida é dura,
Mas se guarda até um pouco nas poupanças,
Para poder viajar com as crianças,
Sua vida até que é boa, oh criatura!…

Há quem rode o dia todo só à procura
De emprego, mas, no fim de suas andanças,
Só ouve não… Já nem tem esperanças
De trabalho; está à beira da loucura!

Registro na carteira? Nem pensar!
Ele apenas espera faturar,
Mesmo de camelô ou sacoleiro…

Faz bico oito horas, nove ou dez,
E como almoço come dois pasteis,
Regados a um “refri”; quando há dinheiro!…

Anúncios

Graças ao Espiritismo e as advertências falando sobre novas encarnações, aprendemos que quem se mata para libertar-se dos problemas, ao chegar no mundo da verdade e ver-se mais vivo do que nunca, percebe que além de não ter se livrado dos problemas ainda arrumou outros. O ato lhe gerará grande sofrimento. Não só como espírito, mas pelas lesões que registrou no seu corpo astral e que as trará para cá numa nova encarnação. São aleijões que resvalam na mente fazendo-os retardados para que não cometam novamente o ato tresloucado. A solução contra o desajuste e o sofrimento é aumentar a fé pela compreensão. Quando temos algo a pagar é porque um dia contraímos a dívida. Ninguém paga contas alheias ou sofre indevidamente. Deus não comete injustiça.

AUTOCÍDIO
Octávio Caúmo Serrano – 04/08/2017

Se você enfrenta grande sofrimento
E crê que suicidar-se é a solução,
Quero aqui lhe dizer que não é não,
Pois isso aumentará mais seu tormento…

Fique sempre, ante os fatos, muito atento;
Valorize esta sua encarnação,
Porque a vida atual traz relação
Com seu passado e o seu burilamento …

A vida que nós temos, não é nossa;
Ela pertence a Deus… Não há quem possa
Ver no suicídio algo libertador…

Se, diante do Deus Pai, formos ingratos,
Fiquemos informados que tais atos,
São gestos de traição ao Seu amor!

Conversava com um amigo no restaurante Boibumbar, que foi visitado pelo cantor Luiz Melodia, em João Pessoa, que faleceu de câncer aos 62 anos, dias atrás. E ele perguntou por que cada vez mais se morre de câncer, apesar dos avanços da medicina que já consegue salvar muita gente? Respondi que o câncer é a tristeza das células, segundo Vinícius de Morais em um antológico poema. E faz todo sentido. O homem é quem produz a sua infelicidade.

UMA RECEITA – 5/8/2017
Octávio Caúmo Serrano

As doenças estão sempre aumentando;
Perguntaram-me por que isso acontece?
É porque em vez de cultivar a prece
Os homens vivem se auto flagelando.

Procure analisar, de vez em quando,
E ver como de câncer se perece,
Além de depressão, suicídio,  estresse,
Pois uns aos outros vivem  se invejando!

A tristeza derruba a imunidade,
Criando sempre mais fragilidade,
Nesse nosso organismo sofredor!…

Não adianta buscar  só a medicina,
Pois o Evangelho há muito nos ensina
Que a raiz da saúde está no amor!

NOTA – Às vezes sentimos tanto amor pelos outros, mas não oferecemos este amor a nós mesmos. Quem não se ama não pode amar de verdade!

Sem analisar a necessidade de por fim à resistência japonesa, que se servia dos kamikazes para vencer os americanos na segunda guerra mundial, o lançamento da bomba atômica de urânio em 6 de agosto de 1945 sobre Hiroshima  foi uma atrocidade que dizimou milhares de vítimas da ganância dos poderosos. Em 9 de agosto uma nova bomba atômica, de plutônio, foi lançada nobre Nagasaki. Os que fazem as guerras comandam as estratégias de seus gabinetes e participam dos planos feitos no papel dentro de salas com ar condicionado. Episódios para não ser esquecidos!

HIROSHIMA 72 ANOS – 6 DE AGOSTO DE 2017
Octávio Caumo Serrano

Qual tatuagens nas paredes incrustadas,
Corpos humanos se fundiram no concreto!
Era u´a mãe grudada ao filho, a avó ao neto,
E assim voavam as pessoas desintegradas…

Partia-se a grávida e com ela ia seu feto!
Naquele dia, entre as piores madrugadas,
Esvoaçavam as cabeças decepadas
E que de humanas já não tinham mais aspecto!

Aquela arma destruidora ali escrevia
Uma das páginas mais tristes… Nesse dia,
Junto com a bomba era o ódio que grassava;

Enquanto a guerra se servia da ciência,
Tudo explorava, exibindo prepotência,
Esse animal que habita em nós se revelava!…

6/8/2017 – Entre 100 e 150 mil morreram da bomba só em Hiroshima, fora os que pereceram depois, sem contar os “hibakushas” (sobreviventes) que tiveram sequelas.

Acabei de voltar do almoço. Como estava só, observo as outras mesas.
Tenho muito cuidado com as boas maneiras. Quando automatizadas elas fluem naturalmente, mas antes disso, cometemos muitas gafes. Vejo casais que enquanto um guarda a mesa o outro se serve; senta-se, enfia a cara no prato e devora com voracidade a sua comida. Se o outro for meio lerdo, almoça sozinho. Não é bonito ou educado! Como sempre almoço sozinho, quando tenho parceiro valorizo a companhia! E agradeço! Há 20 anos almoço num self-service em João Pessoa: O Boibumbar.  Fiz um soneto para gravar melhor.

GENTILEZA – 6/8/2017
Octávio Caúmo Serrano

Se quando vou comer no Boibumbar
Algum amigo me faz companhia,
Eu me agrado e agradeço a primazia
De ter alguém para um bom papear!

Após ter escolhido um bom lugar,
Nós vamos desfrutar essa alegria;
E como manda a boa cortesia,
Os pratos vamos juntos preparar.

Ninguém fica na mesa e o outro sai,
Porque quando vai um o outro vai
Buscar no autosserviço a refeição…

Se estamos juntos, juntos comeremos,
Pois se não for assim não procedemos
Como nos dita a boa educação!

A imagem acima é um risco para pintura em óleo sobre tela, de Leonardo da Vinci.
Boletim Informativo "Tribuna Literária"
agosto 2017
S T Q Q S S D
« jul   set »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

Leituras

  • 54,901 poetas

Entre com seu email para assinar este blog e receber notificações de novos artigos postados.

Junte-se a 27 outros seguidores