Acordei. Como estava vivo, fiz um verso.

MAIS UM DIA – 3/10/2017
Octávio Caúmo Serrano

Mais um dia de vida! Obrigado
Por conceder-me o belo privilégio;
Faço desta passagem um florilégio
Para ter meu caminho perfumado…

O período que aqui passo é sagrado,
Sob as bênçãos de Deus, o Pai egrégio,
Para que eu muito aprenda no colégio
Do destino, onde fui matriculado.

Só posso ter, portanto, gratidão,
Porque nosso especial anfitrião
Fez da minha hospedagem um festival…

Que pena que esse tempo vai depressa,
Mas mesmo assim espero, ora essa,
Ter honrado o banquete celestial!